Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Kiss and Makeup

Resumo do 1º dia da 86ª Feira do Livro

 

 

 

 

Constatações do primeiro dia da 86ª Feira do Livro:

  • A Quetzal é a melhor editora da Feira;
  • Todos os miúdos de hoje em dia que dizem umas piadas e fazem stand up têm um livro;
  • O John Green é o novo Nicolas Sparks;
  • O Carlos Cruz é escritor, para além de pedófilo em part-time;
  • Ainda há quem compre "livros" da Margarida Rebelo Pinto;
  • Cada vez que alguém compra um "livro" de Chagas Freitas morre uma árvore do Parque;
  • O José Rodrigues dos Santos continua a lançar 50 livros por ano e todos iguais;
  • O Daniel Oliveira é escritor;
  • A Bárbara Norton de Matos é escritora;
  • A Fátima Lopes é escritora;
  • Inês Castel-Branco é escritora;

IMG_20160527_191746.jpg

 

 

 

 

O saldo do primeiro dia: 

IMG_20160527_224132.jpg

 

 

Nunca li absolutamente nada de nenhum dos dois autores.

Da Boneca de Kokoschka do Afonso Cruz já tinha lido bons comentários.

Do Vasco Graça Moura não sei absolutamente nada como escritor mas achei piada ao prefácio. 

Os Rentes de Carvalho e Agualusa ficaram lá para virem devidamente autografados nos respectivos dias!

Em pausa para decisão estão o The Catcher in the Rye de JD Salinger, A Parisiense de Ines de La Fressange, Cinco Esquinas de Vargas Llosa e mais alguns...

Não sei já registaram mas o stand da Quetzal é o único que interessa: José Luis Peixoto, Afonso Cruz, J.Rentes de Carvalho, Virgílio Ferreira, J.D. Salinger, Mario Vargas Llosa,...

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IMG_20160527_181813.jpg

A dimensão do Parque Eduardo VII nunca deixa de me surpreender, não admira que os turistas gostem tanto!