Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Kiss and Makeup

Querem acordar com cara de quem dormiu 8h mas na verdade só dormiram 5h?

 

 

É usarem tudo isto junto e misturado (vá não é bem assim, há uma ordem!)

IMG_20160224_111317.jpg

 

 

Glamour to go - Too Faced 

É uma paleta de 8 sombras que dá muito jeito em viagens pelo seu tamanho. Tem uns nudes de fundo rosa nacarado como nunca vi noutra marca.

Vitalumiére - Chanel

É um pó espectacular com particulas reflectores de luz e que tem a grande vantagem de poder adquirir-se em recargas sem ter de pagar sempre pelo packaging.

False Lashes/ So Intense - YSL/Sisley 

Quando quero pestanas longas aplico a Sisley, quando quero pestanas encorpadas uso a YSL.

All-in-one - YSL

Uma espécie de BB Cream muito leve só para dar aquele ar uniforme e saudável

Porefessional - Benefit

O único produto realmente bom da Benefit, se não contarmos com decoração de interiores, claro. Porque para decoração de interiores todos os produtos da Benefit são de morrer. Este é um primer(?) que disfarça poros e apaga-os mesmo.

Shadow Insurance - Too Faced

Não querem chegar ao fim do dia com a sombra a acumular na pálpebra ou mesmo sem sombra pois não? Então usem isto. Dura uma vida.

Instant Concealer - Clarins

Quando o meu adorado Magic Concealer da HR desapareceu vi-me forçada a arranjar-lhe substituto. Este foi o escolhido, é bom mas tem apenas uma cobertura leve, não dá para ser muito construído porque começa a acumular nas linhas. É só mesmo para disfarçar aquele ar cansado e não aqueles círculos super negros. Got it?

 

Taras e Manias, uma versão alternativa.

Não faço ideia quem são os MGDRV, não oiço a Mega Hits (não fiz mal a ninguém para ter de ouvir uma rádio assim! Smooth FM e M80 ftw!). 

Mas quem diria que uma letra de Marco Paulo (pelo menos uma parte) encaixa tão bem neste novo estilo rap-pop (i-wanna-be-KayneWest), é que parece que foi mesmo escrita para isto caramba! Quem nunca cantou isto num karoake depois do 15º whisky (ou whiskey, que depois de uma certa hora até já JB sabe a Jack Daniels e não interessa nada a nacionalidade!)

 

 

O que é o Ponto de Ebulição, segundo o jornal SOL

Screen Shot 2016-02-02 at 21.22.32.png

 

O artigo completo aqui

 

 

 

A malta da Ciências já pensa que a malta da Letras e afins não é, como é que eu vou dizer isto, muito dotada, vá! Mas caramba! Darem-nos razão assim à descarada também é demais!

 

Os meus professores da faculdade iam gostar tanto de ler esta notícia! Já estou a imaginar pelo menos um ou dois a dizer um rol de impropérios à criatura que escreveu isto!

 

Vá, agora a sério, jornalistas deste país, vamos lá fazer um trabalho de qualidade. É que assim fica díficil levar a vossa profissão a sério!

 

Oscars Countdown - Spotlight

Vi este fim-de-semana Spotlight e não falando muito sobre a história para não tirar o apetite para o filme, posso dizer que o elenco está bastante bom. Michael Keaton, como sempre, não desilude (parece que ainda o consigo ver com umas asas a lançar-se da janela!), Mark Ruffalo faz a minha personagem preferida neste filme. Um jornalista apaixonado e dedicado à causa. Rachel McAdams igual a ela própria, muito apagadinha, muito sonsa, mas também nunca a vi a fazer uma grande prestação em nenhum filme.

O argumento em si é um murro no estomâgo, principalmente por sabermos que a história é verídica e todo o jornal e departamento Spotlight também (ganharam um Pullizter por este trabalho). Vejam o filme até ao fim, até aos créditos e depois de aparecer aquelas listas, o murro no estômago é tão grande que apetece vomitar.

Até onde vão os limites do poder? Haverá limites? Quantas pessoas intimidades não falam do que se passou (passa?) dentro da Igreja?